Nossa Senhora do Rosário, São Francisco e São Domingos


 

          Sagrada no dia 25 de Outubro de 1730 (quarto dia do oitavário da sagração) pelo Bispo de Patara, Dom Frei José de Jesus Maria. Contém relíquias de São Brás e São Policarpo. Pregou o sermão o franciscano, Frei António de Santa Maria.

 

          Retábulo do altar

          Nossa Senhora oferecendo o Rosário a São Domingos

Este retábulo começou a ser esculpido por Giusti em 1756 com a colaboração de Machado de Castro; 3,3 x 2 m

          O óleo s/tela [3,28 x 2,44 m] que antecedeu o retábulo marmóreo, intitulado Cristo irado contra o Mundo, até há poucos anos atribuído sem reservas a Pietro Bianchi [PNMafra: inv. n. 380], tal como outra tela com a mesma composição [5,25 x 2,77 m], existente na Portaria do convento, verificou-se estarem assinados STEPHANUS PARROCEL PINX. ROME ANNO MDCCXXX, tratando-se, por conseguinte, de obras do pintor francês Étienne Stephanus Parrocel. A explicação para a existência em Mafra de dois quadros idênticos destinados ao mesmo local, pode achar-se na circunstância de José Maria Fonseca e Évora ter-se precipitado e encomendado uma primeira tela desconhecendo quais as dimensões exactas que deveria observar (cf. Carta de 24 de Maio de 1730), pelo que teria sido necessário realizar uma segunda pintura. Pier Paolo Quieto [p. 118] informa que o Museu Magnin (Dijon) possui uma primeira versão desta tela, identificada por A. Clark, o qual intuíu que se destinaria igualmente a Mafra. Um segundo e definitivo estudo, em tudo semelhante, excepto no tocante a São Francisco, virado no sentido oposto, foi vendido em 1962 à leiloeira Christie's.

          Segundo uma atribuição oitocentista, Vieira Lusitano fez um estudo para este altar, onde parece se inspirava em A Virgem com o Menino, São Francisco e São Tiago Maior de Maratti [Pier Paolo Quieto, p. 128], da igreja de Santa Maria in Monte Santo.

 

          Estátuas

          São Pedro

Mármore; h = 2,45 m; subsc.: António Montauti arq. florentino, 1732 [António Montauti (? - 1740)]

 

          São Paulo

Mármore; h = 2,45 m; idem

 

          São Tiago

Mármore; h = 2,45 m; subsc.: Giro.mo Ticciati, 1732 [Gerónimo Ticciati (1676 - 1740)]

 

          Santo André

Mármore; h = 2,45 m; idem

 

          Lunetas

          Cristo irado contra o Mundo e a Virgem aplacando a sua fúria, por intercessão de São Domingos para quem aponta

Luneta em mármore do lado do Evangelho, na qual o burel dos franciscanos, que São Domingos parecia ostentar na pintura, foi transformado no arminho dos Cónegos Regrantes; 3,1 x 1,54 m.

 

          São Francisco recebendo os estigmas

Luneta em mármore do lado da Epístola; 3,1 x 1,54 m.

A pintura desta luneta perdeu-se.